Mexer no vespeiro

Arte: Guto Delfino

Saudações azurras. 
A arbitragem comandada pelo mineiro Ricardo Marques Ribeiro foi, sem dúvidas, a grande personagem do jogo entre Vasco e Avaí.
Sei que o assunto traz muitas discussões, mas os dois pênaltis não assinalados e o escanteio mandrake que o árbitro “quis ver” foi uma aberração tão monstruosa que acaba passando uma imagem terrível para os aficionados pelo maior esporte do mundo, ficando sem “tesão” para assistir.
O tempo em que o clube gigante acaba levando vantagem em cima do clube pequeno/médio no final tem que acabar, a concepção da igualdade precisa prosperar para que o esporte xodó dos brasileiros seja bonito e correto.
A profissionalização dos árbitros precisa ser discutida de maneira ampla para que essa categoria seja preparada corretamente e acima de tudo séria, com o objetivo de que esses erros não sejam repetidos.
O tempo de Davi x Golias já passou e essa mentalidade tola precisa ser extinta de uma vez por todas para o bem do futebol!

TAGS:
CURTA / COMPARTILHE / COMENTE

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Got Something To Say:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os direitos reservados © 2019. | Blog do Guto - Desenvolvido por R Comunicação.