TDO #9

Arte: Guto Delfino

Saudações azurras. 
Depois da parada para a Copa América, a Coluna Tô de Olho está de volta para falar do Fortaleza Esporte Clube. 
Chamado de Leão do Pici, o clube fundado em 1918 na cidade de mesmo nome, no Estado do Ceará, na Região Nordeste do Brasil, está na décima-quarta colocação do Campeonato Brasileiro, com dez pontos conquistados, sendo que a campanha possui três vitórias, um empate e cinco derrotas. O aproveitamento é de 37%.
O técnico Rogério Ceni pode não ter o atacante André Luís, que sentiu uma pancada no joelho direito no treinamento de quarta-feira.
Para o jogo contra o Avaí, Rogério prepara uma escalação ousada no esquema 4-2-4 com Felipe Alves, Gabriel Dias, Quintero, Roger Carvalho e Carlinhos; Juninho, Felipe; Osvaldo, Kieza, Welington Paulista e Romarinho.
Na teoria, o Fortaleza terá dois centroavantes tentando atrapalhar a defesa adversária, mas no contexto geral é um time que articula muito veloz, sobretudo no meio de campo onde dá o início da construção das suas jogadas ofensivas, auxiliado pelos laterais, que são muito ofensivos, dão suporte para o ataque através dos pontas Romarinho e Osvaldo. 
Jogada de bola aérea ofensiva é o ponto forte do time nordestino.
Como ponto vulnerável, destaco a demora na reposição do lado esquerdo da defesa.

TAGS:
CURTA / COMPARTILHE / COMENTE

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Got Something To Say:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os direitos reservados © 2019. | Blog do Guto - Desenvolvido por R Comunicação.