Desabafo de Betão

Foto: Rute Delfino

Saudações azurras.

Pelas redes sociais, o zagueiro e capitão do Avaí Betão expôs todo o seu descontentamento em relação a arbitragem de sábado, o qual eu reproduzo aqui:

PARA O BEM DE TODOS, LEVANTO A BANDEIRA DO FUTEBOL F.C

Essa madrugada foi longa… Fiz um desabafo após o jogo de ontem e talvez não tenham ficado muito claras as minhas declarações, até porque eu estava tomado por indignação.

Hoje posso falar com mais clareza. Não quero “chorar o leite derramado”, nem ficar com “mimimi” e muito menos esconder os erros que tivemos ontem e durante a temporada, atrás de um erro grotesco de arbitragem por não marcar um pênalti nos últimos segundos do jogo.

Não posso afirmar que seria gol, mas nos tirou a oportunidade de ao menos tentar.

Todos sabem que sou uma pessoa ponderada e procuro manter o equilíbrio diante de qualquer situação. Quando cheguei ao vestiário após o jogo, fiquei pensando que talvez eu tivesse exagerado no desabafo à imprensa e, aproveito para pedir desculpas por não ter concedido uma entrevista mais lúcida, mas a cada hora que passa tenho mais certeza e convicção que não exagerei e poderia ter falado mais coisas se estivesse mais calmo.

Os erros de arbitragem não estão acontecendo somente em nossos jogos, mas, curiosamente, acontecem muito contra nós. Já aconteceram à nosso favor? Sim, mas nem se compara com tantos lances decisivos contrários à nós, e não podemos fazer “vistas grossas” a esse fato.

Nesse momento, quero ser “a voz” de milhares de atletas, um “grito de socorro” de jogadores de futebol que esperam a evolução da profissão nesse sentido. Gostaria de falar sobre a arbitragem, mas sem ofensas à ninguém.

Deve-se dar um melhor preparo aos árbitros do futebol brasileiro, profissionalizar a classe. Isso irá acabar com os erros? Não sei, porém eles terão um preparo melhor e poderão se dedicar integralmente ao trabalho. Se gasta dinheiro com tanta coisa no futebol… Estão tentando o uso do VAR, mas parece que não está tendo o resultado esperado. Concordo que todos nós somos suscetíveis a erros, por exemplo, na arbitragem existem erros de interpretação, por mal posicionamento, pela dificuldade no lance, pela velocidade da jogada, mas acredito que, principalmente, pela falta de preparo… não quero colocar em dúvida a índole de ninguém, prefiro acreditar que os erros são naturais ao homem.

Às vezes fico pensando: Será que realmente somos o país do futebol? Em qual sentido? Por ter ganho mais copas que os outros países? TEMOS QUE CAIR NA REAL!! O futebol é mais sério do que se pode imaginar! Para muitos é diversão, para outros reunião de amigos, meio de negócio, local para extravasar, mas, para mim, é uma profissão e que por sinal eu levo muito a sério… sempre irei lutar para a melhoria da minha profissão e vou questionar sempre que achar cabível. Se eu não lutar por aquilo que vivo e que defendo, quem o fará?

Deixo bem claro que existem muitos árbitros altamente capacitados e que devemos tirar o chapéu pela postura, educação, caráter e, principalmente, para aqueles que entendem a importância que tem em uma partida e encaram isso com muita seriedade.

ONTEM O AVAI F.C MAIS UMA VEZ FOI PREJUDICADO, SIM! Não somente pela não marcação, mas em diversos lances. Mas com essa declaração, não estou somente vestindo a camisa do AVAI F.C, e sim estou vestindo a camisa do FUTEBOL BRASILEIRO F.C”

Fonte: Fanpage de Betão.

TAGS:
CURTA / COMPARTILHE / COMENTE

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Got Something To Say:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os direitos reservados © 2018. | Blog do Guto - Desenvolvido por R Comunicação.