1 x 1: Não fez, levou

Saudações azurras.
Para um público de 9.269 torcedores, o Avaí tropeçou diante do São Paulo ao empatar por 1 x 1.
Foi um jogo bem equilibrado, com chances criadas pelos dois lados. O Leão esteve muito truncado durante a primeira etapa, muito por conta da “dupla-dinâmica” Luan-Judson, que sabidamente não tem nenhuma saída de bola, o que é inconcebível para jogar numa Série A.
A situação só melhorou no segundo tempo quando Luan se machucou e entrou o jovem Luan Martins. O time avaiano ganhou em mobilidade, criamos mais oportunidades e tivemos um pênalti bem marcado (o primeiro nesse Brasileirão). Junior Dutra converteu.
Logo depois, o mesmo teve a grande chance de matar a partida, mas jogou ao alcance  do goleiro Sidão. Dá uma bicuda, meu filho!
E aí vale a velho ditado, “quem não faz, leva”. Dito e feito. Outro pênalti, dessa vez, cometido pelo inconsequente Pedro Castro, que pensou que joga vôlei para colocar mão na bola. Hernanes não perdoou embora Douglas tenha tocado na bola.
Perdemos outros dois pontos em casa, rema, rema e na hora de dar um pulo, engata a primeira e trava.
Na próxima rodada, encaramos a Chapecoense novamente em casa.

TAGS:
CURTA / COMPARTILHE / COMENTE

ESCREVA UM COMENTÁRIO

Got Something To Say:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os direitos reservados © 2018. | Blog do Guto - Desenvolvido por R Comunicação.